ARTROSE ACROMIOCLAVICULAR

A presença de artrose acromioclavicular é bastante freqüente acima dos 30 – 40 , e sua prevalência esta associada a atividade de cada indivíduo e às variações anatômicas da articulação.Nem sempre é sintomática ou necessita de tratamento específico. Contudo em algumas situações o tratamento cirúrgico com ressecção do terço lateral da clavículapode ser realizado com bons resultados.

A história é muito importante na possibilidade da contribuição da articulação acromioclavicular na dor do ombro. A presença de antecedentes de luxação acromioclavicular, de um evento traumático, ou de doenças associadas a um esporte específico, como a osteólise da clavícula distal nos levantadores de peso, é fundamental para o sucesso do tratamento.

O exame físico é importante devendo ser cuidadosamente realizado. Alguns testes podem ser usados como o da adução forçada; presença de dor à palpação local da articulação acromioclavicular; dor à translação ântero-posterior da clavícula; teste de o’brien positivo com o braço aduzido e elevação contra resistência e com o polegar para cima.

Radiograficamente deve se verificar a morfologia do acrômio, o envolvimento da articulação acromioclavicular, presença de “os acromiale” e calcificações, ocasionalmente pode ser indicado a ressonância magnética ou a cintilografia óssea.

O teste com injeção de anestésico na articulação acromioclavicular, é bastante útil, devendo-se ter o cuidado de não invadir o espaço subacromial. O uso de corticóide associado pode exercer efeito terapêutico.

A ressecção do terço distal da clavícula, quando há indicação pode ser realizada artroscopicamente, por via bursal, tendo a vantagem de provocar menos dor que por via aberta e mais rápida reabilitação.

BIBLIOGRAFIA

1 e.b. Mumford, acromioclavicular dislocation: a new operative treatment. J bone joint surg am 23 (1941), pp. 799–801.

2. L.u. Bigliani, g.p. Nicholson and e.l. Flatow, arthroscopic resection of the distal clavicle. Orthop clin north am 24 (1993), pp. 133–141.

3. B.s. Tolin and s.j. Snyder, our technique for the arthroscopic mumford procedure. Orthop clin north am 24 (1993), pp. 143–151.

4. R.a. Sachs, m.l. Stone and s. Devine, open vs. Arthroscopic acromioplasty: a prospective, randomized study. Arthroscopy 10 (1994), pp. 248–254.

5. R.b. Caspari and r. Thal, a technique for arthroscopic subacromial decompression. Arthroscopy 8 (1992).


ILUSTRAÇÕES

Figura 1

Fig 1 – Visão artroscópica pelo portal lateral da articulação acromioclavicular.

Figura 2

Fig 2 – Visão artroscópica pelo portal lateral ressecão da calvícula distal.




Procure um médico para o diagnóstico e tratamento de qualquer condição relacionada com esses temas só este profissional é habilitado para diagnostica-lo e prescrever um tratamento adequado.